Minha História na Mary Kay

Quero aquele carro Cor-de-rosa!!!

Bom, já que tem que ter um começo, vamos ao início...
Conhecia a Mary Kay somente de nome porque via algumas amigas com as
maquiagens, mas porque elas traziam dos Estados Unidos.
Sempre achei muito distante de mim... produtos caros como diziam!!!
Nunca tinha experimentado nenhum produto.

Desde pequena gostava de desenhar, então sempre achava que seria 
arquiteta, pois adorava design de interiores, projetos, etc.
Tentei duas vezes o vestibular para arquitetura, passava no teste de 
aptidão, mas não consegui entrar na faculdade.
Então, pela 3ª vez tentei Administração de empresas e passei em 
todas as faculdades do Ceará. Pude escolher a melhor!!!

Me identifiquei com o curso, porque na verdade sempre quis administrar
meu escritório de arquitetura... Se não era ele, seria outro negócio.

Terminei meu curso antes da minha turma, pois tinha senso de urgência.
Conheci o homem da minha vida e meu ideal que nunca foi de casar, agora
só pensava no nosso casamento. Casei e me formei no mesmo mês e ano (Julho de 2000).

E quando a gente casa né gente, não é mais só você, mas somos nós...
Assim, comecei a trabalhar na minha área em Administração na empresa da minha família. Pois agora tinha que pensar nas "contas" do mês.

Agradeço a Deus, à minha irmã e meu cunhado pela oportunidade de crescer como pessoa e profissional. Foram 10 anos de empresa (2000 a 2010), trabalhando de 8 às 22hs. Em 2006, compramos nosso apartamento, um sonho... o nosso sonho estava sendo realizado... Estava tudo perfeito do jeito que a gente queria. Mas as despesas aumentaram e a empresa estava em crise.

A situação estava ficando insustentável. Não sabia mais o que fazer... meu esposo  que trabalhava na mesma empresa saiu primeiro do que eu para aventurar-se em outros ramos. Mas nada dava certo. Nossa, só Deus sabe o que a gente estava passando. Pensamos inclusive em vender o nosso apartamento. Anunciamos, mas com aquele aperto no coração. Nos apegamos a Deus mais do que nunca.

Até que em 2010, apareceu um anjo na minha vida. Inara velho, minha diretora. Ela  morava no mesmo prédio que eu e eu sabia que ela era da Mary Kay, pois via aquele lindo carro rosa na garagem. Uma amiga, que era vizinha dela, sempre me chamava para ir no apto dela conhecer, mas nunca dei importância, continuava achando que era uma marca muito distante de mim.

Até que no aniversário do marido dessa amiga, nós sentamos uma do lado da outra e começamos a conversar. Desabafei sobre o trabalho e que precisava de uma saída. Marcamos um encontro no escritório dela na mesma semana. Ela já tinha me falado muita coisa, mas só experimentei os produtos naquela semana. Me lembro como se fosse hoje, sai do trabalho mais cedo, em uma quinta-feira e fui conhecer a empresa que iria mudar a minha vida.

Amei os produtos, toda a linha e me cadastrei na hora. Quando chegou meu kit
fiquei impressionada com tudo... muito lindo!!! Todas as minhas esperanças
de mudanças, os meus sonhos, estavam lá dentro.

Comecei a falar para minhas amigas e lógico meus familiares. Ninguém acreditava que ia dar certo. Muitos tinham preconceito e me diziam: você vai ser vendedora de batom? Foi para isso que você se formou? Nossa ouvi muito... realmente no início até tinha vergonha mesmo... se não fosse uma pessoa conhecida nem falava de Mary Kay.

Entrei em junho de 2010, mas ainda estava trabalhando. Na minha cabeça
eu queria aquele carro cor-de-rosa. Então perguntei a Inara como fazia para
ganhar o carro. Foi assim que comecei a buscar minhas consultoras. Fui saindo
da empresa, deixei a manhã, depois a tarde e em dezembro sai de vez.
Mas ainda não estava consolidada na Mary Kay... então acabei arranjando
um outro emprego. Neste ganhava bem menos e trabalhava de 8 às 18hs, inclusive  aos sábados. Não pude ir no seminário de 2011 da Mary Kay por causa da empresa que tinha acabado de entrar. Realmente não estava acreditando e precisando de um fixo, pois meu marido ainda estava sem emprego. 

Em abril de 2011 pela 4ª e última vez estava entrando em qualificação para
ser diretora da Mary Kay. Passei abril e maio em um aperreio só...
Não estava conseguindo dar conta da Mary Kay e do trabalho ao mesmo tempo.
Estava fazendo os dois mal feitos.
Então tomei uma decisão: vou abraçar Mary Kay de vez em minha vida...
deixar o medo de lado e lutar para alcançar meu objetivo.
E foi o que fiz: primeiro tentei uma redução na carga horária, não aceitaram.
Então pedi para sair... Os meses de junho e julho foram de dedicação
total à Mary Kay e à fechar meu diretorado... Fechei, consegui... Ufffaaa!!!!
Agosto: primeiro mês como Diretora de Vendas Independente Mary Kay e
já fui logo para o Retiro da nossa Diretora Nacional Eloisa Jonhson...
FOI MARAVILHOSO!!! Muito treinamento, treinamento e mais treinamento...
todos os dias sentia dor de cabeça com tanta coisa que aprendia e ouvia
de mais 5 diretoras nacionais que estavam com a gente.

Foi um semestre ainda difícil, mais eu sabia que as coisas iriam mudar.
Tinha fé em Deus que o melhor estava por vir...

E as coisas começaram a mudar de rumo. Meu esposo conseguiu pegar uma
representação de São Paulo maravilhosa e passou a ganhar bem...
Fiquei mais tranquila para trabalhar e investir tudo na Mary Kay...
Ele também me apoiou mais e estava acreditando mais em mim...

Então chegou o tão esperado Seminário de 2012...
Meninas, minha vida mudou!!!

Até então eu tinha entrado na Mary Kay, mas não conseguia 
ver a grandiosidade que era esta empresa. 
Agora a Mary Kay entrou em mim...

Vou ser bem sincera, meu mês de janeiro foi péssimo, mas quando eu voltei...
Nossa!!! Estava eletrizada, queria fazer tudo... e não tinha mais tempo para
aquele mês... mas isso não me abalou... meu mês de fevereiro foi maravilhoso!!
Em 15 dias, vendi mais do que o ano passado inteiro. E tinha que ser antes 
do carnaval, porque o povo só pensava no carnaval. Graças à Deus o carnaval
passou e o ano começou!!! rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs

E estou aqui para contar esta história maravilhosa pra vocês...
Hoje eu agradeço a Deus por ter colocado Mary Kay em minha vida...
e por Ele ter me orientado a tomar a decisão certa... pensei que ia me
arrepender, mas foi a melhor coisa que fiz... não me arrependo um instante sequer. O seminário de 2012, fiz um sacrifício financeiro para estar lá... mas valeu cada centavo... Acreditem!!! Estejam lá em 2013... Perdi muito tempo não querendo fazer SCP... e hoje já fiz nestes dois meses mais sessões do que o ano passado.
Estou correndo atrás do prejuízo e uso toda a minha criatividade para
tornar meu trabalho mais gratificante, e muito mais rentável. Meu entusiamo é demais e sei que alcançarei todas as minhas metas traçadas para este ano.

Vou ousar para 2013!!!

Garanto para vocês que vale muito a pena.... Fico pensando em tantas pessoas que se acomodam em seus empregos ou profissões por conta de um fixo (conheço muitas). Acabam frustradas,  insatisfeitas, levando uma vida sem qualidade. 
Sabe o que eu digo para estas pessoas: a vida vai passar e você nem vai se dar conta. Vai ficar velha e se arrepender do que poderia ter feito. E se acordar!!!
Por isso, sejam ousadas... a vida está aí para ser vivida, desbravada, transformada... A gente merece ser tudo o que quer... Nós podemos tudo!!!

E se você quiser fazer parte deste time de sucesso é só me dizer.
Aqui você vai encontrar mulheres fortes e corajosas que ousam tudo em busca
de seus sonhos... Se você é uma delas, seja muito bem-vinda!!!